A pedagogia Soviética e o ensino de ciências no contexto da escola experimental de Lepehinskiy

Autores

  • Naomi Pomella Rosenburst
  • Silvia Fernanda de Mendoça Figueirôa Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP

Palavras-chave:

Educação Soviética. Ensino de Ciências. Escola experimental de Lepehinskiy.

Resumo

Este artigo apresenta e discute brevemente práticas e estratégias usadas na escola experimental de Lepehinskiy, focando o ensino das ciências naturais. Embora a escola já tenha sido analisada por outros trabalhos, raramente, ou quase nunca, o ensino de ciências esteve no centro da atenção. Nessa perspectiva, descrevemos e analisamos a práxis pedagógica construída a partir do trabalho e dos complexos pedagógicos, de modo a entender o funcionamento do ensino de ciências. Nota-se que a interdisciplinaridade, até hoje almejada no ensino de ciências, pode ser encontrada nos estudos experimentais dos pioneiros soviéticos há um século, podendo inspirar práticas no tempo presente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Naomi Pomella Rosenburst

Licencianda em Física. Instituto de Física/USP. ORCID: https://orcid.org/0000-0002-8598-7339.  Tem experiência na área de Educação, com ênfase em História da Educação

Silvia Fernanda de Mendoça Figueirôa, Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP

Professora Titular. Faculdade de Educação/UNICAMP. ORCID: https://orcid.org/0000-0003-0791-2232. Docente do PECIM/UNICAMP, pesquisa as áreas de História das Ciências e Ensino de Ciências. Depto de Ensino e Práticas Culturais/DEPRAC Faculdade de Educação/UNICAMP 

 

Referências

BOURDIEU, P.; PASSERON, J. A reprodução: elementos para uma teoria do sistema de ensino. Lisboa, 1970.

CAPRILES, R. Makarenko: o nascimento da Pedagogia Socialista. São Paulo: Scipione, 2007.

DALMAGRO, S.; MARTINS, L. Contribuições de Marx e Engels à Educação e à Pedagogia. Philosophy@lisbon. Lisboa, n.8, p. 255 – 277, 2018.

DEL ROIO, J. Os primeiros 100 anos. In: JINKINGS, Ivana; DORIA, Kim (orgs.) 1917: o ano que abalou o mundo. São Paulo: Boitempo: Ed. SESC SP, 2017, p. 26-30.

DEWEY, J. Impressões sobre a Rússia soviética e o mundo revolucionário. Uberlândia: Navegando Publicações, 2016.

DEWITT, N. The October Revolution and Soviet Education. Canadian Slavonic Papers, v. 10, n. 3, p. 235 – 253, 1968.

FIADO. In: MICHAELIS: dicionário brasileiro da língua portuguesa, 2015. Disponível em: https://michaelis.uol.com.br/. Acesso em: 5 ago. 2021.

FITZPATRICK, S. Education and Social Mobility in the Soviet Union 1921 – 1934. Cambridge: Cambridge University Press, 1979.

FREIRE, P. Pedagogia da práxis: o conceito do humano e da educação no pensamento de Paulo Freire. Recife: UFPE, 2010. https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3797

FREITAS, L. C. de. Pedagogia Socialista: devolvendo a voz aos pioneiros da educação russa. In: CALDAR, R.; VILLAS BÔAS, R. L. (Orgs.). Pedagogia Socialista: legado da revolução de 1917 e desafios atuais. São Paulo: Expressão Popular, 2017, v. 1, p. 233–260.

FREITAS, L. C. de. A luta por uma pedagogia do meio: revisitando o conceito. In: PISTRAK, M. (org.). A Escola-Comuna. São Paulo: Expressão Popular, 2009.

GASPAR, A. Cinquenta anos de Ensino de Física: Muitos equívocos, alguns acertos e a necessidade do resgate do papel do professor. Anais do XV Encontro de Físicos do Norte e Nordeste, 2002.

JÚNIOR, F. A Pedagogia social de Pistrak e a formação do homem novo. Journal of Social Pedagogy, v. 3, n. 1, May 2017.

KING, B. Soviet education: Its phases and purposes. The Slavonic and East European Review, v. 17, n. 49, p. 135–150, July 1938.

LOMBARDI, J. A revolução russa e os desafios à pedagogia histórico-crítica. Germinal: Marxismo e Educação em Debate, Salvador, v. 9, n. 3. p. 292-306, dez. 2017.

LUCENA, C.; FRANÇA, R. L. de; PREVITALI, F. S.; LIMA, A. B. de; OMENA, A. Pistrak e Marx: os fundamentos da educação russa. Revista HISTEDBR On-line, v. 11, n. 41e, p. 271-282, abr 2011.

LUNATCHARSKI, A. A educação na Rússia Revolucionária. Discurso no I Congresso de Toda a Rússia para a instrução pública. 1922. http://www.gepec.ufscar.br/publicacoes/livros-e-colecoes/livros-diversos/a-educacao-na-russia-revolucionaria.pdf. Acesso em 24 jan. 2020.

MARX, K. e ENGELS, F. Textos sobre Educação e Ensino. São Paulo: Centauro, 2004.

MCHITARJAN, I. John Dewey y el desarrollo de la pedagogía rusa antes de 1930. Encuentros sobre educación, Canadá, n. 10, p. 163-186, 2009.

MIKELSON, R. Ciências Naturais. In: PISTRAK, M. (org.). A Escola-Comuna. São Paulo: Expressão Popular, 2009.

NABOKOV, M. Física. In: PISTRAK, M. (org.). A Escola-Comuna. São Paulo: Expressão Popular, 2009.

NASCIMENTO, M. I. A escola unitária: educação e trabalho em Gramsci. Revista HISTEDBR Online, Campinas, n. 30, p. 275 – 291, 2008.

NOBRE, I. 1917 e a tentativa de construção do homem novo — O caráter pedagógico da revolução social. Marx e o marxismo, Niterói, v. 6, n. 10, p. 44 – 66, 2018.

NOBRE, I. Trabalho e práxis no programa escolar soviético: apontamentos para uma educação revolucionária. Revista eletrônica Arma da crítica, Ceará, n. 8, p. 100 – 118, out. 2017.

PAULILO, A. Políticas do novo em educação: a escola nova no Rio de Janeiro e em São Paulo. Campinas, SP: Faculdade de Educação/UNICAMP. 262 f. Tese de Livre Docência, 2019.

PERGHER, E.; FRIZZO, G. Trabalho como princípio educativo: debate a partir de Gramsci e Pistrak. Trabalho necessário, Niterói, n. 10, p. 1–26, 2010.

PINKEVICH, A. The new education in the Soviet Republic. New York: The John Day Company, 1929.

PISTRAK, M. (org.). A Escola-Comuna. São Paulo: Expressão Popular, 2009.

PRESTES, Z. Quando não é quase a mesma coisa: análise de traduções de Lev Semionovitch Vigotski - repercussões no campo educacional. Tese (Doutorado). Universidade de Brasília, Brasília, 2010.

ROCHA, A.; LOMBARDI, J. Escola-Comuna P. N. Lepeshinskiy e a Colônia Gorki: contribuições teórico-metodológicas fundamentais para a compreensão da Educação Soviética. In: IX Seminário Nacional de Estudos e Pesquisas “História, Sociedade e Educação no Brasil”. Anais Eletrônicos. Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, PB, 31/07 a 03/08/2012.

SALA, M.; MALACARNE, T. A Educação nos primeiros anos da revolução russa. https://www.esquerdadiario.com.br/A-educacao-nos-primeiros-anos-da-Revolucao-Russa. Acesso em 22 abr. 2019.

SILVA, C; DYNNIKOV, V. Ideologia em problemas matemáticos nos livros didáticos soviéticos da pré-revolução até 1960. Rev. Bras. Educ. [online]. v.19, n. 56, p. 201 – 227, 2014.

SOBE, N. W. Entrelaçamentos e troca cultural na história da educação: mobilizando John Dewey no período entre guerras. Revista Brasileira de História da Educação, v. 9, n. 3 [21], p. 13–38, 2012.

TIMASHEF, N. The Soviet School Experiment. The Russian Review, Moscow, v. 4, n. 2, p. 72–87, 1945.

TRAGTENBERG, M. Pistrak: uma pedagogia socialista. Revista Espaço Acadêmico, n. 24, maio 2003.

ZEPPER, J. Krupskaya on complex themes in Soviet Education. Comparative Education Review, Chicago, v. 9, n. 1, p. 33-37, 1965.

Downloads

Publicado

2021-12-27

Como Citar

ROSENBURST, N. P.; FIGUEIRÔA, S. F. de M. A pedagogia Soviética e o ensino de ciências no contexto da escola experimental de Lepehinskiy. Revista Internacional de Pesquisa em Didática das Ciências e Matemática, [S. l.], v. 2, p. 021021, 2021. Disponível em: https://periodicoscientificos.itp.ifsp.edu.br/index.php/revin/article/view/570. Acesso em: 23 jan. 2022.