Avaliação para as aprendizagens

pensamento crítico e criativo nas aulas de ciências naturais de alunos do segundo ciclo do ensino básico português

Autores

  • Celina Tenreiro Vieira Universidade de Aveiro
  • Rui M. Vieira Universidade de Aveiro

Palavras-chave:

Pensamento Crítico. Pensamento Criativo. Educação em Ciências. Práticas didático-pedagógicas.

Resumo

Os contextos de vida, hoje, fortemente marcados pela incerteza, justificam uma formação em ciências, que ajude a lidar eficaz e produtivamente com questões socialmente relevantes que envolvem a ciência e a tecnologia. Tal requer uma ênfase no desenvolvimento do Pensamento Crítico e Criativo (PCC), porquanto são fundamentais para alcançar a máxima eficácia na tomada de decisão e na resolução de problemas, num quadro de realização pessoal e de desenvolvimento sustentável. No presente artigo explicitam-se referenciais teóricos e focam-se recortes de práticas didático-pedagógico de ciências, com orientação para o PCC, ilustrativos de atividades e integrando a avaliação para as aprendizagens.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Celina Tenreiro Vieira, Universidade de Aveiro

Doutora em Educação, Didática das Ciências. Universidade de Aveiro. ORCID: https://orcid.org/0000-0002-7944-2922.

Rui M. Vieira, Universidade de Aveiro

Doutorado em educação, Didática das Ciências. Universidade de Aveiro. ORCID: https://orcid.org/000-0003-0610-6896.

Referências

ALMEIDA, L. S. Criatividade e pensamento crítico. in L. S. Almeida (coord.), Criatividade e pensamento crítico: Conceito, avaliação e desenvolvimento. Porto: Centro de Estudos e Recursos em Psicologia, 2017, p. 5-17.

BARBOT, B.; BESANÇON, M.; LUBART, T. The generality-specificity of creativity: Exploring the structure of creative potential with EPoC. Learning and Individual Differences, n. 52, p. 178-187. 2016.

DIREÇÃO GERAL de EDUCAÇÃO. Aprendizagens essenciais – Ciências Naturais. Lisboa: Ministério da Educação e Ciência/Direção Geral de Educação, 2018. Disponível em: http://www.dge.mec.pt/sites/default/files/Curriculo/Aprendizagens_Essenciais/2_ciclo/5_ciencias_naturais.pdf (acedido em setembro 2018)

ENNIS, R. H. A logical basis for measuring critical thinking skills. Educational Leadership, v. 43 n. 2, p. 44-48. 1985.

ENNIS, R. H. Critical thinking. Upper Saddle River, NJ: Prentice Hall, 1996.

ENNIS, R. H. Critical Thinking Across the Curriculum: A Vision. Topoi, n. 37, p. 165–184. 2018.

ENNIS, R. H.; MILLMAN, J. Cornell Critical Thinking Test, Level X. Pacific Grove, CA: Midwest Publications, 1985.

HEONG, Y.; HAMDAN, N., CHING; K., KIONG, T.; AZID, N. Development of Integrated Creative and Critical Thinking Module in Problem-Based Learning to Solve Problems. International Journal of Scientific & Technology Research, v. 9, n. 3, p. 6567-6571. 2020

LUCAS, M.; MOREIRA, A. Quadro europeu de competência digital para educadores. Aveiro: Universidade de Aveiro, 2018. Disponível em http://hdl.handle.net/10773/24983 (acedido em novembro 2021).

LUCAS, B. A field guide to assessing creativity in schools. Perth: FORM, 2022.

MARTINS, O. et al. Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória. Lisboa: Ministério da educação e Ciência/Direção Geral da Educação, 2017. Disponível em: http://hdl.handle.net/10400.26/22377 (acedido em setembro 2017)

ORGANIZAÇÃO para a COOPERAÇÃO E DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO. The future of education and skills. Education 2030. Paris: OCDE Publishing, 2018. Disponível em: https://www.oecd.org/education/2030/E2030%20Position%20Paper%20(05.04.2018).pdf (acedido em novembro 2022).

ORGANIZAÇÃO para a COOPERAÇÃO E DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO. Thinking Outside the box. Paris: OCDE Publishing, 2022. Disponível em: https://www.oecd.org/pisa/innovation/creative-thinking/ (acedido em novembro 2022)

ONTARIO EDUCATIONAL GOVERNMENT (OEG). The Ontario Curriculum. Science and Technology 2022. Grades 1-8. OEG, 2022. Disponível em: https://assets-us-01.kc-usercontent.com/fbd574c4-da36-0066-a0c5-849ffb2de96e/a6136d61-3120-43f0-94a3-5859e0319382/The%20Ontario%20Curriculum%20Grades%201–8%20–%20Science%20and%20Technology%202022.pdf (acedido em outubro 2022)

OSBORNE, J.; DILLON, J. Science Education in Europe: Critical Reflections, a Report to the Nuffield Foundation, 2008. Disponível em: http://www.pollen-europa.net/pollen_dev/Im- ages_Editor/Nuffield%20report.pdf) (Acedido em outubro 2010).

PAUL, R.; ELDER, L. Critical Thinking: The Nature of Critical and Creative Thought. Journal of Developmental Education, v. 30, n. 2, 2006, p. 34-35.

TENREIRO-VIEIRA, C. O pensamento crítico na educação científica: Proposta de uma metodologia para a elaboração de atividades curriculares. Dissertação de mestrado (não publicada), Universidade de Lisboa, 1994.

TENREIRO-VIEIRA, C. A influência de programas de formação focados no pensamento crítico nas práticas de professores de ciências e no pensamento crítico dos alunos. Tese de doutoramento não publicada, Universidade de Lisboa, 1999.

TENREIRO-VIEIRA, C; VIEIRA, R. M. Promover o pensamento crítico dos alunos: Propostas concretas de sala de aula. Porto: Porto Editora, 2001.

TENREIRO VIEIRA, C.; VIEIRA, R. M. Literacia e pensamento crítico: um referencial para a educação em ciências e em matemática. Revista Brasileira de Educação, v. 18, n. 52, 2013, p. 183-242.

TENREIRO-VIEIRA, C.; VIEIRA, R. M. Construindo práticas didático-pedagógicas promotoras da literacia científica e do pensamento crítico. Madrid: Organização dos Estados IberoAmericanos. 2014. (http://www.oei.es/divulgacioncientifica/?Construindo-praticas-didatico)

TENREIRO-VIEIRA, C.; VIEIRA, R. M. Promover o Pensamento Crítico e Criativo no Ensino das Ciências: Propostas didáticas e seus contributos em alunos Portugueses. Revista Investigações em Ensino de Ciências, v. 26, n. 1, 2021, p. 70-84.

TENREIRO-VIEIRA, C.; VIEIRA, R. M. (2022). Pensamento Crítico e Criativo para uma Educação Ciência-Tecnologia-Sociedade. Revista Ibero-Americana de Ciência, Tecnologia e Sociedade, v. 17, n. 51, 2022, p. 145-159.

TORRANCE, E. P. The search for satori & creativity. Buffalo, N.Y.: Creative Education Foundation. 1979.

TSAI, K. (2020). Investigating the Empirical Links between Creative and Critical Thinking. Psychology, Society, & Education, v. 11, n. 3, 2020, p. 267-280.

VIEIRA, R. M. Formação Continuada de Professores do 1.º e 2.º Ciclos do Ensino Básico para uma Educação em Ciências com Orientação CTS/PC. Tese de Doutoramento não publicada, Universidade de Aveiro: Departamento de Didáctica e Tecnologia Educativa. 2003.

VIEIRA, R. M.; TENREIRO-VIEIRA, C. Pensamento crítico e criativo na educação em ciências: percursos de investigação e proposta de referencial. in N. Kiouranis, R. M. Vieira, C. Vieira e V. Calixto (orgs.), Pensamento crítico na Educação em Ciências: Percursos, propostas de países ibero-americanos. São Paulo, Brasil: Editora Livraria da Física, 2021, p. 17-42.

VICTORIAN STATE GOVERNMENT, VICTORIAN CURRICULUM AND ASSESSMENT AUTHORITY (s/d). Disponível em: https://victoriancurriculum.vcaa.vic.edu.au/overview/about (acedido em outubro 2022)

VINCENT-LANCRIN, S. et al. Fostering Students' Creativity and Critical Thinking: What it Means in School. Paris: OECD Publishing. 2019.

Downloads

Publicado

2022-12-21

Como Citar

VIEIRA, C. T.; VIEIRA, R. M. Avaliação para as aprendizagens: pensamento crítico e criativo nas aulas de ciências naturais de alunos do segundo ciclo do ensino básico português. Revista Internacional de Pesquisa em Didática das Ciências e Matemática, [S. l.], v. 3, p. e022008, 2022. Disponível em: https://periodicoscientificos.itp.ifsp.edu.br/index.php/revin/article/view/809. Acesso em: 2 fev. 2023.