Escrita para terceira idade com o uso de tecnologias digitais:

relato de experiência

Autores

Palavras-chave:

Letramento Digital. Terceira Idade. Informática na Educação. Ensino-aprendizagem. Tecnologias da Informação e Comunicação.

Resumo

O presente artigo se insere na discussão do ensino e aprendizagem de escrita em meio digital para o público idoso, considerando as especificidades de suas características de aprendizado. A pesquisa traz o relato de experiência como metodologia e apresenta a abordagem desenvolvida para o contexto de aprendizagem digital de idosos, em uma iniciativa de inclusão digital na comunidade onde foi desenvolvido o trabalho, destacando a
necessidade de se tematizar a questão das necessidades específicas desse público, especialmente considerando o cenário de aumento dessa população, a preocupação de viabilizar formas de inclusão digital e desenvolvimento das tecnologias da informação e comunicação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rita Roberta Marioto, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) – Câmpus São Paulo Pirituba

Mestre em Linguística Aplicada. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) –
Câmpus São Paulo Pirituba

Felipe Rodrigues Martinez Basile, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) – Câmpus São Paulo Pirituba

Doutor em Engenharia Biomédica. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) – Câmpus São Paulo Pirituba

Referências

BAKHTIN, M. M. Os gêneros do discurso. In: BAKHTIN, M. M. Estética da Criação Verbal. Tradução de Paulo Bezerra. 6a. ed. São Paulo: WMF Martins, 2011. p. 261-306.

BORTOLOZZO, M. C. O processo de aprendizagem dos idosos. In: In: SILVEIRA, N. D. R,

BORTOLOZZO, M. C., CARVALHO, D. M., BARROSO, A. E. S. (coord.): - A pessoa idosa: educação e cidadania. São Paulo: Secretaria de Desenvolvimento Social: Fundação Padre Anchieta, 2009. p.37-53).

BASILE, F. R. M. ; MARIOTO, R. ; MARTINS, T. H. B. Inclusão digital para terceira idade na comunidade de Pirituba-SP - experiência de implementação de curso livre de extensão. In: Emerson Freire; Juliana Augusta Verona; Sueli Soares dos Santos Batista (orgs.). (Org.). Educação profissional e tecnológica - Extensão e Cultura. 1ed.Jundiaí: Paco, 2018, v. , p. 145-164.

ERVATI, L.R., BORGES, G. M., JARDIM, A. P. (ogs.) Mudanças demográficas no Brasil do século XXI – subsídios para as projeções da população. Rio de Janeiro: INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. 2015. Disponível em: https://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/livros/liv93322.pdf Acesso em: 09 mar 2019.

GOULART, C. Letramento e novas tecnologias: questões para a prática pedagógica. In: COSCARELLI, C. RIBEIRO, A. E. (orgs.) Letramento digital: aspectos sociais e possibilidades pedagógicas. 3. ed.; 1 reimp. – Belo Horizonte : Ceale ; Autêntica Editora, 2014, p. 41-58.

KACHAR, V. Envelhecimento e perspectivas da inclusão digital. Revista Kairós Gerontologia, 13(2), INSS 2176-901X, São Paulo, novembro/2010: 131-147. Disponível em: https://revistas.pucsp.br/index.php/kairos/article/viewFile/5371/3851. Acesso em: 09 mar 2019.

KACHAR, V. Inclusão digital e terceira idade. In: KACHAR, V., XAVIER, M. A. V., LIMA, A. M. M. (coord.) Novas necessidades de aprendizagem. São Paulo Secretaria de Desenvolvimento Social: Fundação Padre Anchieta, 2009. p.11-27.

SILVEIRA, N. D. R., Educação, envelhecimento e cidadania. In: SILVEIRA, N. D. R, BORTOLOZZO, M. C., CARVALHO, D. M., BARROSO, A. E. S. (coord.): - A pessoa idosa: educação e cidadania. São Paulo: Secretaria de Desenvolvimento Social: Fundação Padre Anchieta, 2009. p..26-34.

Downloads

Publicado

2020-05-15

Como Citar

Marioto, R. R., & Basile, F. R. M. (2020). Escrita para terceira idade com o uso de tecnologias digitais:: relato de experiência. Revista Internacional De Formação De Professores, 5, e020004. Recuperado de https://periodicoscientificos.itp.ifsp.edu.br/index.php/rifp/article/view/26