A inclusão das pessoas com necessidades educacionais especiais

contextualização histórica

Autores

  • João Gabriel Yaegashi Centro Universitário de Maringá
  • Michele Nader
  • Solange Franci Raimundo Yaegashi Universidade Estadual de Maringá
  • Tayene Elize Mação Universidade Estadual de Maringá

Palavras-chave:

Educação Inclusiva. Ensino. Aprendizagem.

Resumo

A pesquisa, de natureza teórica, teve como objetivo estudar de que forma a questão da inclusão das pessoas com necessidades educacionais especiais foi abordada no decorrer da história. Verificamos que por meio de muita luta foi possível estender sobre essas pessoas os direitos garantidos aos demais seres humanos. Todavia, ainda há muito o que fazer para que elas participem real e ativamente do processo de ensino e aprendizagem no ensino regular e sejam efetivamente incluídas. Chegamos à conclusão que, mais do que um direito dos alunos com necessidades educacionais especiais, a inclusão educacional se apresenta como uma questão ética e, como tal, uma questão que deve ser amplamente discutida por profissionais de diferentes áreas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

João Gabriel Yaegashi, Centro Universitário de Maringá

Mestrando em Ciências Jurídicas pelo Centro Universitário de Maringá (UNICESUMAR). Advogado

Michele Nader

Mestra em Ciências Jurídicas pelo Centro Universitário de Maringá (UNICESUMAR). Promotora de Justiça do Estado do Paraná, Coordenadora da Central de Atendimento ao Cidadão de Maringá-PR. 

Solange Franci Raimundo Yaegashi, Universidade Estadual de Maringá

Doutora em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Docente do Departamento de Teoria e Prática da Educação e do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual de Maringá (UEM). 

Tayene Elize Mação, Universidade Estadual de Maringá

Mestranda em Educação pela Universidade Estadual de Maringá (UEM). Bolsista Capes. 

Referências

ALBUQUERQUE, R. A.; MORI, N. N. R. Educação Especial: da segregação. In: CAMARGO, J. S.; ROSIN, S. M. (Orgs.). Psicologia da Educação para o curso de Letras. Maringá: Eduem, 2011. Cap. 7, p. 81-102.

ALENCAR, G. A. R. Deficiência e necessidades especiais no contexto inclusivo. In: ROSIN, S. M.; CAMARGO, J. S. (Orgs.). Psicologia da Educação na Formação Docente em Ciências Biológicas. Maringá: Eduem, 2010. Cap. 7, p. 97-118.

ARANHA, M. D. F. Paradigmas da relação da sociedade com as pessoas com deficiência. Revista do Ministério Público do Trabalho, v. 21, p. 160-173, 2001.

BIANCHETTI, L. Aspectos históricos da apreensão e da Educação dos considerados deficientes. In: BIANCHETTI, L.; FREIRE, I. M. (Org.). Um olhar sobre a diferença: interação, trabalho e cidadania. Campinas, SP: Papirus, 1998. p. 21-51.

BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: introdução aos parâmetros curriculares nacionais / Secretaria de Educação Fundamental. Brasília : MEC/SEF, 1997.

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Brasília, DF, 1996. Disponível em http://portal.mec.gov.br/seed/arquivos/pdf/tvescola/leis/lein9394.pdf Acesso em 22/04/2020.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Especial. Política Nacional de Educação Especial na perspectiva da Educação Inclusiva. Brasília, DF: MEC/SEESP, 2008. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/arquivos/pdf/politicaeducespecial.pdf. Acesso em 22/04/2020.

BRASIL. Resolução no 013 de 6 de junho de 2009 – CNE. Brasília, DF, 2009. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/dmdocuments/pceb013_09_homolog.pdf Acesso em: 14/02/2020.

BRASIL. Planejando a Próxima Década: Conhecendo as 20 Metas do Plano Nacional de Educação. Brasília, DF, 2014. Disponível em: http://pne.mec.gov.br/images/pdf/pne_conhecendo_20_metas.pdf Acesso em: 25/04/2020.

BRASIL. Lei nº 13.146, de 6 de julho de 2015. Institui a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência). Diário Oficial da União, 7 jul. 2015. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2015-2018/2015/lei/l13146.htm. Acesso em: 22/12/2020.

BRASIL. Resolução no 04 de 2 de outubro de 2009 – CNE. Brasília, DF, 2009. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/dmdocuments/rceb004_09.pdf Acesso em: 14/02/2020.

BRASIL. Decreto no 7611de 17 de novembro de 2011. Brasília, DF, 2011. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2011/decreto/d7611.htm Acesso em: 14/02/2020.

CINTRA, G. M. Si.; RODRIGUES, S. D.; CIASCA, S. M. Inclusão Escolar: Há coesão na expectativa de pais e professores? Revista Psicopedagogia, 26 (79), p. 55-64, 2009.

FIORATI, R. C.; ELUI, V. M. C. Determinantes sociais da saúde, desigualdade e inclusão social entre pessoas com deficiência. Rev. Latino-Am. Enfermagem, Ribeirão Preto, v. 23, n. 2, p. 329-336, 2015.

FRIGOTTO, G. A interdisciplinaridade como necessidade e como problema nas ciências sociais. In: JANTSCH, A. P.; BIANCHETTI, L. (orgs). Interdisciplinaridade: para além da filosofia do sujeito. Petrópolis, RJ: Vozes, 1995.

GENTILI, P. Três teses sobre a relação trabalho e educação em tempos neoliberais. In: LOMBARDI, J. C.; SAVIANI, D.; SANFELICE, J. L. (Orgs.). Capitalismo, trabalho e educação. Campinas: Autores Associados, HISTEDBR, 2002. (Coleção Educação Contemporânea).

JANNUZZI, G. M. A educação do deficiente no Brasil: dos primórdios ao início do século XXI. Campinas, SP: Autores Associados, 2004.

LOPES, E.; MARQUEZINE, M. C. Grupo de estudo: contribuição na capacitação do professor para a inclusão do aluno com deficiência intelectual. In: SHIMAZAKI, E. M.; PACHECO, E. R. (Orgs). Deficiência e inclusão escolar. Maringá: Eduem, 2012.

MARQUEZINE, M. C.; LOPES, E. Atendimento Educacional Especializado (AEE). In: MORI, N. N. R.; JACOBSEN, C. C. (Orgs.). Atendimento Educacional Especializado no contexto da Educação Inclusiva. Maringá: Eduem, 2012. Cap.3, p. 41-48.

MAZZOTTA, M. J. S. Educação especial no Brasil: história e políticas públicas. São Paulo: Cortez, 1996.

MANTOAN, M. T. E. Inclusão escolar: o que é? por quê? como fazer? São Paulo: Moderna, 2003. (Coleção cotidiano escolar).

VITALIANO, C. R. Educação Inclusiva e as reconstruções necessárias no processo de formação de professores. In: LIMA, A. M. S.; VITALIANO, C. R.; ALTINO, F. C.; MACHADO, R. P. B. (Orgs). Inclusão: debates em diferentes contextos. Londrina: Ed da Universidade Estadual de Londrina, 2013, p.15-27.

Downloads

Publicado

2021-02-23

Como Citar

Yaegashi, J. G., Nader, M., Yaegashi, S. R., & Mação, T. E. (2021). A inclusão das pessoas com necessidades educacionais especiais: contextualização histórica. Revista Brasileira De Iniciação Científica, 8, e021001. Recuperado de https://periodicoscientificos.itp.ifsp.edu.br/index.php/rbic/article/view/350