Licenciandos de educação física no contexto do estágio curricular supervisionado

um estudo sobre indicadores de acolhimento

Autores

Palavras-chave:

Acolhimento no estágio, Formação de professores, Estágio curricular supervisionado, Educação física

Resumo

O objetivo desta pesquisa foi levantar indicadores do modelo de receptividade ao estagiário de Educação Física realizados nas escolas, pelos Professores Supervisores (PS), durante a atividade de Estágio Curricular Supervisionado. A pesquisa recorreu ao método qualitativo, por meio de estudo de casos, a partir de uma perspectiva de modelo analítico descritivo. Os participantes foram um Professor Supervisor de Educação Física e de seu estagiário. Os dados coletados pelos instrumentos de Notas de Campo, Entrevistas Semi-Estruturadas e Documento do Relatório Final do estagiário foram submetidos à técnica de Análise de Conteúdo. Os resultados dessa investigação revelaram que o modelo adotado pelo PS foi de Recepção. O PS autorizou o início do estágio, porém sem o devido acolhimento e orientação necessários a estagiária.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Diane Mota Lima, Universidade Estadual Paulista

Mestrado em Educação Física. Universidade Estadual Paulista (UNESP)

Miguel Ataíde Pinto da Costa, Colégio Pedro II - RJ

Doutorado em Epidemiologia em Saúde Pública. Escola Nacional de Saúde (FIOCRUZ). Professor em regime de dedicação exclusiva do Colégio Pedro II. Campus Realengo.

José Henrique dos Santos, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro

Doutorado em Ciências da Educação pela Universidade Técnica de Lisboa

Referências

ARAÚJO, S. Acolhimento no estágio: entre modelos e possibilidades de formação docente. 2014. 202 f. Dissertação (Mestre em Educação) – Instituto de Biociências, Universidade Estadual Paulista, Rio Claro, 2014.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 1977.

BENITES, L. C.; CYRINO, M.; SOUZA NETO, S. A prática de ensino como possibilidade de reflexão: concepções dos professores-colaboradores. In: LEITE, Y. U. F. et al. (Org.). Políticas de formação inicial e continuada de professores. Araraquara: Junqueira & Marin Editores, 2012. v. 2, p. 563-574.

BENITES, L. O professor-colaborador no estágio curricular supervisionado em Educação Física: perfil, papel e potencialidades. 2012. 180 f. Tese (Doutorado) – Instituto de Biociências, Universidade Estadual Paulista, Rio Claro, 2012.

BRASIL. Conselho Nacional de Educação. Parecer CNE/CP 28/2001, de 2 de outubro de 2001. Dá nova redação ao Parecer CNE/CP 21/2001, que estabelece a duração e a carga horária dos cursos de Formação de Professores da Educação Básica, em nível superior, curso de licenciatura, de graduação plena. Diário Oficial da União: Seção 1, Brasília, DF, p. 31, 18 jan. 2002. Available: http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/028.pdf. Access: 10 Jan. 2021.

BUENO, B.; SOUZA, D. Pedagogia contemporânea e formação de professores em serviço: lógicas e dispositivos de um modelo em expansão. In: BITTAR, M. Formação de professores. São Paulo: Edufscar, 2012.

CARVALHO, M. M. C. Modernidade pedagógica e modelos de formação docente. São Paulo em Perspectiva, São Paulo, v. 14, n. 1, p. 111-120, jan./mar. 2000. ISSN: 1806-9452. DOI: https://doi.org/10.1590/S0102-88392000000100013

MOTA, D. Licenciandos de Educação Física no contexto do Estágio Curricular Supervisionado: um estudo sobre indicadores de acolhimento. 2020. 176 f. Dissertação (Mestrado em Educação Física) – Universidade Estadual Paulista, Presidente Prudente, 2020.

PIMENTA, S.; LIMA, M. Estágio e docência. Ed. São Paulo: Cortez: São Paulo, 2019.

SARTI, F. M. Parceria intergeracional e formação docente. Educação em Revista, Belo Horizonte, v. 25, n. 2, p. 133-152, 2009. DOI: https://doi.org/10.1590/S0102-46982009000200006

TARDIF, M. Saberes docentes e formação profissional. Trad. Francisco Pereira. Petrópolis: Vozes, 2012.

Publicado

2021-05-21

Como Citar

LIMA, D. M. .; DA COSTA, M. A. P. .; DOS SANTOS, J. H. . Licenciandos de educação física no contexto do estágio curricular supervisionado: um estudo sobre indicadores de acolhimento. Revista Internacional de Formação de Professores, Itapetininga, v. 6, p. e021015, 2021. Disponível em: https://periodicoscientificos.itp.ifsp.edu.br/index.php/rifp/article/view/457. Acesso em: 1 dez. 2021.