Avaliação das aprendizagens no ensino médio

um estudo em duas escolas do interior paulista

Autores

  • João Carvalho Dias
  • Raquel Lazzari Leite Barbosa Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Assis

Palavras-chave:

Avaliação das aprendizagens. Avaliação Formativa. Ensino Médio. Formação de Professores.

Resumo

Este artigo apresenta resultados obtidos mediante o mapeamento da avaliação das aprendizagens de duas escolas do estado de São Paulo, região da cidade de Assis. Tais escolas foram selecionadas de acordo com seus rendimentos no Sistema de Avaliação de Rendimento Escolar do Estado de São Paulo (SARESP), do ano de 2013. O objetivo do trabalho foi descrever, analisar e interpretar práticas de ensino e de avaliação desenvolvidas no nível médio de ensino de escolas públicas da região de Assis (SP) e verificar se existem diferenças
significativas entre as duas escolas pesquisadas que justifiquem as diferenças encontradas nos resultados do SARESP. A metodologia foi qualitativa baseada em observações em salas de aula do ensino médio, questionários e entrevistas com alunos e docentes. Como resultado verificamos diferenças significativas entre as duas escolas quanto às práticas pedagógicas e avaliativas adotadas pelos docentes. Assim sendo, foi possível estabelecer relações importantes entre essas práticas que refletem nos resultados alcançados no SARESP. Destacamos também a importância de discussões que envolvam professores e alunos acerca das práticas pedagógicas dos docentes, sobretudo de avaliação, a fim de relacioná-las com o sucesso ou fracasso escolar de seus alunos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

João Carvalho Dias

Mestrando em Educação pela Universidade São Paulo.

Raquel Lazzari Leite Barbosa, Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Assis

Doutora em Educação. Pesquisadora e coordenadora do Grupo de Estudos e Pesquisas sobre Linguagens,
Ensino e Narrativas de Professores (GEPLENP).

Referências

BLACK, P.; WILIAM, D. Assessment and classroom learning. Assessment in Education: principles, policy & practice. v.5, n.1, p.7-74, 1998.

BRASIL. Presidência da República. Casa Civil. Subchefia para Assuntos Jurídicos. Leis, Decretos etc. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional n. 9.394/96. Brasília, 1996.

BOURDIEU, P. Os três estados do capital cultural. In: NOGUEIRA, Maria Alice; CATANI, Afrânio (Org.). Escritos de educação. 2. ed. Petrópolis: Vozes, 1998.

LIBÂNEO, J.C. Democratização da Escola Pública: a pedagogia crítico social dos conteúdos. São Paulo. Loyola, 1985, p. 5-35.

LÜDKE, M.; ANDRÉ, M. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. São Paulo: EPU, 1986, p.17.

MOEHLECKE, S. O ensino médio e as novas diretrizes curriculares nacionais: entre recorrências e novas inquietações. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 17, n. 49, p. 39 - 58, Abril, 2012.

RAMAL, A. C. As mudanças no Ensino Médio a partir da Lei 9.394/96 e das DCNEM. Revista Pátio. Porto Alegre, Ano 2, p. 13-17. janeiro/março de 1999.

Downloads

Publicado

2018-09-25

Como Citar

DIAS, J. C.; BARBOSA, R. L. L. Avaliação das aprendizagens no ensino médio: um estudo em duas escolas do interior paulista. Revista Internacional de Formação de Professores, Itapetininga, v. 3, n. 4, p. 145–167, 2018. Disponível em: https://periodicoscientificos.itp.ifsp.edu.br/index.php/rifp/article/view/367. Acesso em: 15 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.