Elaboração de unidades didáticas integradas em grupos colaborativos

reflexões e apontamentos

Autores

  • José Maurício Ortiz Batista Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia de São Paulo
  • Paulo Sergio Calefi IFSP - Sertãozinho

Palavras-chave:

Formação continuada, Grupo colaborativo, Ensino médio integrado, Unidade didática integrada

Resumo

Neste artigo, apresenta-se o desenvolvimento de interações e negociações entre os participantes de grupos colaborativos na elaboração de Unidades Didáticas Integradas e discutem-se suas potencialidades. A metodologia de pesquisa fundamentou-se em uma abordagem qualitativa, com características de pesquisa-ação e de estudo de casos. A análise dos dados fundamentou-se em um processo de compreensão, interpretação e reflexão das negociações e interações desenvolvidas em cada um dos quatro grupos colaborativos participantes da pesquisa. Os resultados possibilitaram inferir que a estratégia colaborativa possui bom nível de adaptabilidade a outras estratégias de planejamento pedagógico, permitindo considerá-la como uma proposta para superar os desafios impostos ao planejamento pedagógico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Maurício Ortiz Batista, Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia de São Paulo

Mestre em Educação Profissional e Tecnológica. Instituto Federal de São Paulo (IFSP), Campus Sertãozinho. ORCID: https://orcid.org/0000-0002-3009-7523.

Paulo Sergio Calefi, IFSP - Sertãozinho

Doutor em Ciências. Instituto Federal de São Paulo (IFSP), Campus Sertãozinho. ORCID: https://orcid.org/0000-0002-4455-6030

Referências

ARAÚJO, R. M. L.; FRIGOTTO, G. Práticas pedagógicas e ensino integrado. Revista Educação em Questão, Natal, v.52, n.38, p. 61-80, maio/ago. 2015.

AZEVEDO, M. A.; SILVA, C. D.; MEDEIROS, D. L. M. Educação profissional e currículo integrado para o ensino médio: elementos necessários ao protagonismo juvenil. Holos, v. 4, p. 77, 3 ago. 2015. Disponível em: https://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/HOLOS/article/view/3190/1128. Acesso em: 8 set. 2023.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, 2018.

BATISTA, J. M. O. Elaboração de unidade didática integrada para educação profissional e tecnológica a partir de grupo colaborativo. Dissertação. (Mestrado - Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional e Tecnológica em Rede Nacional (ProfEPT)) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo – Campus Sertãozinho, 2021.

BEZERRA, R. C.; MORELATTI, M. R. M. Grupos Colaborativos como Estratégia para Desenvolver a Formação Continuada de Professores que Ensinam Matemática. In: XIV Inter American Conference on Mathematics Education, Anais, Tuxtla Gutiérrez, México, 2015.

BOAVIDA, A. M.; PONTE, J. P. Investigação colaborativa: Potencialidades e problemas. In: GTI (Org.), Reflectir e investigar sobre a prática profissional. p. 43-55, Lisboa: APM, 2002. Disponível em: http://hdl.handle.net/10451/4069. Acesso em: 8 set. 2023.

CALEFI, P. S.; OLIVEIRA, F. S.; SILVA, G. M. Ensino de química integrado e educação integral na EPT: problematização e contextualização a partir do filme Clube de Compras Dallas. In: CARDOSO, S. P.; CASTRO, D. L. (Org.). O ensino de química na rede federal de educação profissional, científica e tecnológica: um espaço rico em possibilidades. João Pessoa: Editora IFPB, 2020, v. 9, p. 284-318. Disponível em: http://editora.ifpb.edu.br/index.php/ifpb/catalog/book/390 . Acesso em: 8 set. 2023.

CARVALHO, S.; PIO, P. A categoria da práxis em Pedagogia do Oprimido: sentidos e implicações para a educação libertadora. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, v. 98, n. 249, p. 428-445, 18 jun. 2019. Disponível em: http://rbep.inep.gov.br/ojs3/index.php/rbep/article/view/3378. Acesso em: 8 set. 2023.

CHISTÉ, P. S. Pesquisa-Ação em mestrados profissionais: análise de pesquisas de um programa de pós-graduação em ensino de ciências e de matemática. Ciência & Educação, v. 22, n. 3, p. 789-808. set. 2016. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/1516-731320160030015. Acesso em: 8 set. 2023.

DAMIANI, M. F. Entendendo o trabalho colaborativo em educação e revelando seus benefícios. Educar em Revista, n. 31, p. 213-230, 2008. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/s0104-40602008000100013. Acesso em: 8 set. 2023.

DELIZOICOV, D.; ANGOTTI, J. A.; PERNAMBUCO, M. M. C. A. Ensino de ciências: fundamentos e métodos. 3. ed. São Paulo: Cortez, 2009.

DENZIN, N.; LINCOLN, Y. Introdução à disciplina e à prática da pesquisa qualitativa. In:_______. (Org.). O planejamento da pesquisa qualitativa: teorias e abordagens. 2ª Ed. Porto Alegre: Editora Artmed, 2010.

FREIRE, P. Pedagogia do Oprimido. 17. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987.

________. Pedagogia do Oprimido. 64. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2017.

GEHLEN, S. T.; MALDANER, O. A.; DELIZOICOV, D. Momentos pedagógicos e as etapas da situação de estudo: complementaridades e contribuições para a educação em ciências. Ciência & Educação, v. 18, n. 1, p. 1-22, 2012. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/s1516-73132012000100001. Acesso em: 8 set. 2023.

GODOY, A. S. Introdução à pesquisa qualitativa e suas possibilidades. RAE-Revista de Administração de Empresas, v. 35, n. 2, p.57-63, 1995.

LAVAQUI, V.; BATISTA, I. L. Interdisciplinaridade em ensino de ciências e de matemática no ensino médio. Ciência & Educação, v. 13, n. 3, p. 399-420, 2007.

LÜDKE, M.; ANDRÉ, M. E. D. A. Pesquisa em Educação: abordagens qualitativas. São Paulo: EPU, 1986.

MINAYO, M. C. S. Análise qualitativa: teoria, passos e fidedignidade. Ciência & Saúde Coletiva, v. 17 n. 3, p. 621-626, 2012.

MORIN, E. Sete saberes necessários à educação do futuro. 2. ed. Brasília: Unesco, 2000.

MUENCHEN, C. A disseminação dos Três Momentos Pedagógicos: um estudo sobre práticas docentes na região de Santa Maria  RS. 2009. 137 f. Tese (Doutorado)  Curso de Educação Científica e Tecnológica, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis- SC, 2010.

MUENCHEN, C.; DELIZOICOV, D. Os Três Momentos Pedagógicos e o contexto de produção do livro “Físca”. Ciência & Educação, v. 20, n. 3, p. 617-638, set. 2014. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/1516-73132014000300007. Acesso em: 9 set. 2023.

MUNIZ, M. A. S. Por que perdemos nossos alunos? Um estudo da evasão escolar no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia, 2015. 187 f. Dissertação (Mestrado)  Curso de Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Psicologia, Centro Universitário de Brasília, Brasília/DF, 2015. Disponível em: http://www.ifg.edu.br/attachments/article/4995/Marilene_Muniz_2015.pdf. Acesso em: 9 set. 2023.

OLIVEIRA, F. S. Integração curricular e formação integral a partir do filme Clube de Compras Dallas. Dissertação. (Mestrado - Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional e Tecnológica em Rede Nacional (ProfEPT)) – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo – Campus Sertãozinho, 2019.

RAMOS, M. Concepção de Ensino Médio Integrado. 2008. Disponível em: http://forumeja.org.br/go/sites/forumeja.org.br.go/files/concepcao_do_ensino_medio_integrado5.pdf. Acesso em: 9 set. 2023.

SANTOMÉ, J. T. Globalização e interdisciplinaridade: o currículo integrado. Porto Alegre: Artes Médicas, 1998.

SANTOS JÚNIOR, J. B.; MARCONDES, M. E. R. Grupos colaborativos como ferramenta na reestruturação do modelo didático do professor de química. Ciência & Educação, v. 19, n. 3, p. 695-713, 2013. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/s1516-73132013000300012. Acesso em: 9 set. 2023.

SAORÍN, J. M.; VALLEJO, M.; ILLÁN, N. A integração Curricular e as Respostas do Alunado. Tópicos Educacionais, v. 22, n. 1, p. 88-114, maio 2017. Disponível em: https://periodicos.ufpe.br/revistas/topicoseducacionais/article/view/22434/18625. Acesso em: 25 jul. 2021.

SILVA, E. M. A implementação do currículo integrado no curso técnico em agropecuária: o caso de Guanambi. 2009. 125 f. Dissertação (Mestrado)  Curso de Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, Brasília, 2009. Disponível em: https://repositorio.unb.br/handle/10482/4541. Acesso em: 24 jul. 2023.

SILVA, L. E. Os desafios para a integração curricular no ensino médio em uma escola pública da educação básica. 2017. 237 f. Dissertação (Mestrado)  Curso de Programa de Pós-Graduação em Políticas Públicas e Gestão Educacional, Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2017. Disponível em: http://repositorio.ufsm.br/handle/1/13885. Acesso em: 24 jul. 2023.

YIN, R. K. Estudo de Caso: planejamento e métodos. Tradução Daniel Grassi. 2. ed. Porto Alegre: Bookman, 2001.

ZABALA, A. A Prática Educativa: como ensinar. Tradução Ernani F. da F. Rosa. Porto Alegre: Artmed, 1998.

Downloads

Publicado

2023-10-05

Como Citar

BATISTA, J. M. O.; CALEFI, P. S. Elaboração de unidades didáticas integradas em grupos colaborativos: reflexões e apontamentos. Revista Internacional de Formação de Professores, Itapetininga, v. 8, p. e023019, 2023. Disponível em: https://periodicoscientificos.itp.ifsp.edu.br/index.php/rifp/article/view/866. Acesso em: 15 jul. 2024.