Invariante cultural, senso comum e inovação pedagógica

Autores

  • Carlos Nogueira Fino Universidade da Madeira

Palavras-chave:

Pedagogia. Invariante Cultural. Inovação Pedagógica.

Resumo

A partir de uma descrição sumária do paradigma fabril, em torno do qual as escolas se foram configurando a partir do séc. XIX, o artigo revê os conceitos de Invariante Cultural e de Inovação Pedagógica, com um viés crítico, procurando mostrar como o conceito de Inovação Pedagógica tem pouco a ver, na perspetiva do autor, com o senso comum.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carlos Nogueira Fino, Universidade da Madeira

Professor Catedrático da Universidade da Madeira (Portugal)

http://orcid.org/0000-0003-3835-6224

 

Referências

BOURDIEU, P. e PASSERON, J.A Reprodução. Elementos para uma teoria do sistema de ensino. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1977

BROWN, J., COLLINS, A. e DUGUID, P. Situated cognition and the culture of learning. In EducationalResearcher, 1, 18, pp. 32-42, 1988

FINO, C. N. Inovação e invariante (cultural). In RODRIGUES, L.&BRAZÃO, P.(Org.). Políticas educativas: discursos e práticas (pp.259-278). Funchal:Grafimadeira. 2009.

__________ Inovação Pedagógica e Ortodoxia Curricular. Revista Tempos e Espaços em Educação, v. 9, n. 18, p. 13-22, jan./abr. 2016.

__________ A revolução digital e a sua “pedagogia” hegemónica. in FRAGA, N.(Org.). O Professor do Século XXI em Perspetiva Comparada: Transformações e Desafios para a Construção de Sociedades Sustentáveis (pp. 57-69). Funchal: CIE-Uma, 2019

GIMENO SACRISTÁN, J. La pedagogia por objetivos: obsesión por la eficiencia. Madrid: Morata, 1985.

HAMILTON, D. The pedagogic paradox (or why no didactics in England?), in Pedagogy, Culture & Society, 7:1, 135-152., 1999.

KELLY, A. O currículo: teoria e prática. S. Paulo: Harbra, 1980.

LAVE, J. Cognition in Practice. Cambridge MA: Cambridge University Press 1988.

LAVE, J. e WENGER, E. Situated learning: Legitimate peripheral participation. Cambridge USA: Cambridge University Press, 1991.

TOFFLER A. Future shock. New York: Random House, 1970.

Downloads

Publicado

2020-06-29

Como Citar

Fino, C. N. (2020). Invariante cultural, senso comum e inovação pedagógica. Revista Internacional De Formação De Professores, 5, e020014. Recuperado de https://periodicoscientificos.itp.ifsp.edu.br/index.php/rifp/article/view/40